Arquivos para posts com tag: Bolsa

Hoje com o clima fresquinho que ainda segue por aqui, queria usar algo simples e confortável, mas com estilo, claro! Não necessariamente seguir o último grito fashion, apenas seguir o mood do dia ou uma inspiração…

As escolhas foram uma calça jeans reta da Diesel, que é tipo amor em forma de jeans, o dia que tiver que aposentar ela, vou ficar de luto. rsrs Um tricot levinho cheio de amarrações da Alpelo e o diferencial nos acessórios. Como o look era básico, abusei dos anéis, pulseiras de couro + relógio, duas gargantilhas e sapato antiiigo (todo lascadinho, não aparece nem a marca mais), bolsa tipo saco de feirinha (tem mais hippie? Adoro!) e o óculos vintage Yves Saint Laurent. Quase surtei quando a minha mãe mostrou ele, parece que ela ganhou a muitos anos atrás do meu pai e nunca usou muito, acabou caindo no esquecimento… Hoje achei que ele daria um toque estiloso ao visual.

Prova de que para os acessórios serem os protagonistas do look eles não precisam ser super caros ou grifados, basta serem cheios de estilo e história, neste caso, com perfume hippie, boho, vintage. haha

Beijos, Lu.

Esta semana tive uma festinha fofa para celebrar 1 aninho de vida da filhota de amigos queridos, como a maioria das festas de criança, o festerê rolou de tarde e escolhi um visual bem alto astral, coloridão mesmo. Apostei em um vestido étnico!

Como ainda não tenho filhos para correr atrás nas festinhas, pude ir de saltão. Como o vestido era em tons de laranja, branco, azul marinho e rosa, fui de pump caramelo da Schultz, a cor alonga e é neutra. A clutch é de croco e é beeem velhinha, na verdade é da minha mãe, mas passei a mão nela porque estou amando ela! Usei ela como bolsa neste outro look aqui e como clutch aqui. Ah, o vestido é Forever21 e vou usar muito, preparem-se! haha

Dias desses fui para Porto Alegre durante o dia e apostei no mesmo vestido e sapato, mas com um cinto de tressê marrom, bolsa mais esportiva e blazer de moletom azul marinho, porque na primavera a temperatura está sempre oscilando. Pena não ter conseguido fotografar… Se repetir o look, fotografo e atualizo o post. Prometo!

O étnico está em alto e as cores nem precisa dizer, néam? Calor pede cor!

Gostaram?

Beijos, Lu.

 

E seguem os looks do final de semana. hahaha Já repararam que a maioria dos looks que posto são do findi? Ou dos dias off work? É que o trabalho não permite grandes extravagâncias, pede algo mais discreto e confortável, então muitas vezes acabo nem postando.

Dependendo do seu trabalho, esta roupa que usei sexta-feira à noite, vai bem durante o dia também… Usei para um jantar na casa de amigos, algo bem descontraído.

Bem, o couro já não é mais restrito às baixas temperaturas, já faz algum tempo que ele aparece em peças de verão e eu acho lindo! Este short preto de couro era uma bermuda ernooorme de longa da minha mamis, quando botei o olho nela já visualizei a transformação que ela sofreria! haha Eu adoro transformar peças! Sou do tipo que tem sempre uma sacolinha com coisas para a costureira. É bem verdade que nem sempre dá certo, mas sigo transformando. “Nada se cria tudo se transforma” é quase meu lema! haha Ainda mais quando falamos de peças de materiais nobres como o couro, dura uma vida!

Meu marido diz que eu fico feliz até com roupa velha! hahaha Sim, adoro um garimpo no armário alheio, pode ser da mãe, das amigas ou primas. Sempre dou um jeitinho de dar novos ares as pecinhas rejeitadas. ADORO! Quem me conhece bem, sabe.

Na mesma onda de garimpo, coloquei esta bolsa de croco da mamãe para passear. Ela é linda e pelos cálculos que fizemos, é mais velha do que eu. A bolsa está bem gastinha, mas acho que isto até pode dar charme, depende do resto da produção. Concordam?

No mais regata branca básica e oxford de salto com tassels da Datelli para modernizar o visú. Já usei aqui.

Vocês também curtem um garimpo fashion? Vamos compartilhar experiências!!!

Beijos, Lu.