Arquivos para posts com tag: trench coat

Para não estourar a conta bancária, é sempre legal quando descobrimos uma maneira diferente de usar aquela peça que já temos no guarda roupas, não é? É aí que entra o tal truque de styling, que nada mais é do “personalisar” a sua roupa. Explico, por exemplo, uma camiseta ou tricot básico pode ficar mais moderninho com um nózinho, assim ó:

Isto é um truque de styling e nesta onda dá para deixar a criatividade ir longe. Dá para encurtar saia com o truque do nó, usar vestido como saia, saia como blusa… Ixi, muita coisa!

Foi neste sentido que hoje resolví me vestir. Lembra do meu trench coat que mostrei aqui? Pois é hoje o dia estava chuvoso, mas não estava simplesmente querendo vestí-lo assim e pronto. Então troquei o cintinho de tecido que vinha com ele e coloquei um cintão de tressê marrom para dar uma contraste. Usei com calça e botas marrons de montaria, a bota é Datelli (conforto puro!). Olha como ficou!

Ainda aproveitar para usar o meu anel de coruja, que é muito fofinho! Amo de paixão, trouxe de Portugal. Eu sei que se fosse seguir às tendências deveria estar aposentando ele, mas vamos combinar que a gente não precisa ser escravo da moda, né? Temos que aproveitar as tendências que gostamos, que temos uma identificação, que se adaptam ao nosso estilo, que nos valorizem e que acima de tudo nos deixe confartáveis, certo? É isso que estou adorando no blog, a gente fala de tudo que está em alta, mas mostro com os meus looks o que EU gosto de usar no meio desta profusão de novidades fashionistas. haha

*crédito montagem: blog Petiscos, juliapetit.com.br, vale espiar!

Beijos, Lu.

 

Bem, para finalizar o capítulo mala de viagem, vou dar algumas sugestões do que levar para economizar espaço na mala, sobrando um espacinho precioso para as compras e para não bancar a doida catando suas 10 malas na esteira do aeroporto. #aperuasemnoção

Vale ressaltar que a montagem da mala é bastante pessoal, vou apenas citar o que eu levei porque achei que foi na medida! Ok, poderia ter levado um pouquinho menos, mas acho que será sempre assim, né? Principalmente porque as novas aquisições já entram na jogada rapidinho! haha

Levei:

– 1 trench coat, o do post anterior;

– 3 cardigans, um curto cinza animal print e dois longos, sendo um preto e outro manteiga;

– 1 blazer azul marinho de moleton;

– 4 calças, uma montaria preto (super confortável e mais grossinha), uma legging marrom bem levinha (já viu que a ordem das calças é conforto, né?), uma legging levinha que imita jeans (esta usei pouco!) e uma jeans preta resinada imitando couro;

– 1 saia longa marrom, que na verdade usei apenas uma vez, achei que fosse me sentir mais a  vontade com ela, mas não foi exatamente assim na hora de bater perna;

-1 saia curta preta, bem levinha;

– 1 short jeans;

– 2 camisas longas, uma branca e uma bege, ótimas para usar com leggings ou bancar o casaquinho por cima de um vestido mais justo com cintinho;

– 3 vestidos, um tipo chemise manga longa xadrez azul marinho e preto (apesar de ser xadrez é coringa pois é escuro), um floral com fundo preto de manga curta (que dava para usar durante o dia ou mesmo a noite) e um tomara que caia preto tubinho da Zara, para usar e abusar como vestido, saia, jogar uma camisa por cima ou até mesmo por baixo…

– meias calças, levei 3; Uma cor da pele, uma fio 15 preta de poá e uma preta mais grossinha;

– cachecóis, levei uns 4, um preto, um branco, um de oncinha e um de renda; E até usei um estampadinho da mamis… Ótimos para esquentar (leve um no avião!) sem te deixar fervendo o dia todo, passava os dias no tira e coloca (rsrs);

– cintos, nem sei quantos, mas pelo menos 4, um de oncinha, um de tressé bege, um mais larguinho marrom… O look muda com uma cinto! Ótimo pra variar sem pesar na mala;

– sapatilhas e 1 bota de montaria, me arrisquei e não levei salto na intensão de adquirir um por lá. Quase me dei mal, sorte que achei uma espadrilhe linda;

– Blusas, blusas e blusas… rsrsrs Levei umas soltinhas e leves de manga longa ou 3/4, algumas camisetas podrinhas de manga curta e as mais justinhas foram as regatinhas, justamente para facilitar a sobreposição;

Sobreposição foi a chave dos looks! Fácil de variar as peças, fácil de se adaptar as interpéries do tempo de forma confortável. Se joga nos acessórios (cachecóis, cintos, colares, brincos, óculos e até batons) estes não pesando tanto na mala e podem mudar um look basicão na hora!

Ufa! Gostaram? O post foi longo, eu sei, porém achei válido, já que ninguém quer e nem pode bancar a Paris Hilton, néam?

Beijos, Lu!

 

Seguindo na árdua tarefa de fazer uma mala enxuta para uma viagem longa, em um clima de meia estação. A segunda peça que me salvou muitas vezes na minha viagem à Europa foi o trench coat! Eu sei, suuuper básico, não causa um efeito super moderninho, mas esquenta, protege da chuva, é fácil de coordenar com outras peças, é confortável e é um clássico. E clássicos são clássicos, nos deixam bem vestidas sem grande afetação.

Seguem então alguns looks que montei com o meu queridinho… Usei na viagem, usei durante o dia com calça e bota, usei a noite com vestidos… Achei super versátil!

Este vocês já viram, foi logo na chegada, foi desembarcar do avião ir direto fazer uma boquinha. rsrs

O próximo look foi para noite, para um show de flamenco. Como na Europa nesta época escurece tarde, ainda tinha luz do dia pelas 21 horas… Usei o trench por cima do meu vestido de renda da Zara.

Primeiro sem, na chegada porque ainda não estava muito frio…

Depois do show o friozinho já dava as caras…

Este outro look escolhi para ir a Versalhes, o dia estava bem friozinho e ventava muito, muito mesmo! Então na visitação ao interior do chateau pude tirar o trench coat tranquilo e deixar a mostra uma das minhas aquisições européias, a blusa roxa de seda da Zara.

E na visitação aos jardins do Rei Sol, não tive escolha, me embrulhei com o trench e com um cachecol grossinho para me proteger da ventania. Ficou assim:

 

Por último, ele praticamente fez as vezes de vestido. Explico. Saímos para jantar com uns amigos franceses e resolvemos dar uma esticadinha na noite parisiense, tipo um city tour noturno. O problema foi novamente o frio. Fui obrigada a cobrir meu vestido com o trench, que acabou o escondendo por completo. Mas curti. Trench coat, cachecol, meia calça preta de poá e bota de montaria. Desculpem a qualidade péssima da foto, mas dá para ter uma idéia… Esta foto foi no Louvre, me sentindo o próprio Robert Langdon (rsrs), ao fundo o jardim das Tulerias.

O que acharam? Valeu a pena ter levado, não é?

Beijos, Lu.